Fenajufe - Na Bahia, servidores grevistas são impedidos de entrar no TRT5

Na Bahia, servidores grevistas são impedidos de entrar no TRT5

Em Salvador, a administração do TRT5 proibiu a entrada de servidores grevistas do TRE e JF nos prédios do órgão - incluindo os coordenadores do sindicato - que foram realizar a atividade de mobilização nesta segunda (20). Foi autorizada apenas a entrada dos servidores da Casa. Depois de uma longa conversa e negociação, foi dado acesso aos grevistas de todos os órgãos apenas no edifício Médici. No outro prédio, o Coqueijo, apenas os servidores do TRT5 puderam entrar.

Tal medida causou um grande sentimento de revolta e indignação nos servidores, por partir justamente do órgão que julga diariamente tantas ações e causas em favor dos trabalhadores.

De acordo com relato dos próprios servidores, há uma proibição de falar sobre greve em alguns locais de trabalho e apoio público para o corte de ponto dos grevistas. Entretanto, se a medida tomada pela administração na tarde desta segunda-feira (20) foi no intuito de amedrontrar os servidores, o efeito foi inverso: servidores do TRT5 saíram de suas salas, vestiram a camisa "Injustiça do Trabalho" e já começaram a se organizar para participar de fato do movimento grevista.

Fonte: Sindjufe-BA