Fenajufe realiza consulta sobre o quantitativo de servidores na área de segurança

A Federação Nacional dos Trabalhadores do Judiciário Federal e Ministério Público da União – Fenajufe enviou nesta quinta-feira (10/08) um ofício aos Tribunais e Conselhos Superiores. O documento pede aos órgãos informações sobre o quantitativo de servidores ativos e aposentados, Técnico Judiciário, área administrativa com especialidade na área de segurança.

O levantamento tem como objetivo fazer um mapeamento do quantitativo dos agentes de segurança no País, com vistas ao planejamento de estratégias de melhorias nas condições de trabalho dos servidores dessa área, levando em consideração a grave crise de segurança pela qual atravessa o País.

A Fenajufe orienta a todos os sindicatos filados a solicitarem tais dados junto aos Tribunais Regionais, em todos os ramos. Tão logo forem recebidas, as informações devem ser enviadas à Fenajufe pelo e-mail: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo. .

 

Veja integra do documento:

 

 

Ofício nº 108/2017secp

 

 

Brasília, 10 de agosto de 2017.

 

 

 

A Sua Senhoria o Senhor

Eduardo Silva Toledo

Diretor-Geral do Supremo Tribunal Federal - STF

Brasília - DF

 

 

Assunto: solicita informações.

 

 

 

Senhor Diretor-Geral,

 

 

A Fenajufe - Federação Nacional dos Trabalhadores do Judiciário Federal e Ministério Público da União - entidade sindical de grau superior que congrega 29 (vinte e nove) sindicatos filiados em todo território nacional, legitima representante sindical dos mais de cento e trinta mil servidores destes segmentos, com fundamento no artigo 8º, III, da Constituição da República - vem solicitar a Vossa Senhoria informações, conforme segue:

 

  1. Quantitativo de servidores ocupantes do cargo de Técnico Judiciário
  2. Quantitativo de servidores ocupantes do cargo de Técnico Judiciário - especialidade Agentes de Segurança;
  3. Quantitativo de servidores agentes de segurança ativos;
  4. Quantitativo de servidores agentes de segurança aposentados;
  5. Se a especialidade agente de segurança está extinta ou em fase de extinção;
  6. Se há concurso para o cargo de Técnico Judiciário – especialidade agentes de segurança em andamento.

 

Certo de que Vossa Senhoria prestará as informações solicitadas, apresentamos nossas cordiais saudações.

 

Respeitosamente,

 

Marcelo de Melo Ferreira

Coordenador de Finanças em exercício