Nota Pública sobre a manutenção da Greve Geral em 5 de dezembro

 ATENÇÃO!

Apesar da decisão de algumas Centrais Sindicais (CUT, Força Sindical, UGT, Nova Central e CSB) sem concordância das demais (CTB, Pública, Intersindical, CSP-Conlutas e CGTB) de suspensão da Greve Geral de 5 de dezembro pelo recuo do governo em votar a Reforma da Previdência em 6 de dezembro, a FENAJUFE orienta seus sindicatos de base a PERMANECEREM EM ESTADO DE MOBILIZAÇÃO, MANTENDO A GREVE GERAL E MANIFESTAÇÕES PROGRAMADAS PARA O 5 DE DEZEMBRO.

Vários sindicatos da nossa categoria já aprovaram em assembleias a participação e devemos seguir construindo nosso enfrentamento à Reforma da Previdência, à EC 95, à MP 805, ao desmonte do PJU e MPU e à extinção da Justiça Trabalhista.

Essa reforma não passará!

Brasília-DF, 1º de dezembro de 2017

FenajufeFederação Nacional dos Trabalhadores do Judiciário Federal e Ministério Público da União